conecte-se conosco


Cidades

Ibiraçu será primeiro município a ter plataforma para agendamento de coleta seletiva

Publicado

A Reverciclo, startup do Hub Fucape, irá lançar nesta terça-feira (21) um aplicativo que permite o cadastro de residências para receberem a coleta seletiva por agendamento

A iniciativa conta com o apoio da Associação de Catadores de Materiais Reciclados de Ibiraçu (Ascomçu), município onde irá iniciar o projeto piloto. As primeiras residências já foram cadastradas para receber o serviço.

“Com esse aplicativo a Ascomçu poderá oferecer comodidade, informação precisa e assertiva na coleta seletiva. E, a depender do andamento dos números, também uma retribuição financeira para as residências”, afirma Robson Lacerda, Sócio da Reverciclo.

Podem se cadastrar para o agendamento da coleta casas, apartamentos e estabelecimentos comerciais que produzam menos de 200 litros de lixo por dia. A Associação de Catadores irá oferecer três bags para a separação dos resíduos: plástico, metal e vidro/papel. Por meio da plataforma Comunidade Mesa Circular, o morador ou comerciante agenda quando deseja receber a coleta de cada uma das bags.

Segundo Robson, o plano é expandir o serviço para todo o estado, futuramente.

Leia mais:  Prefeitura de Jaguaré inicia, terça dia 12, inscrições para o Qualificar ES

“Depois de validado na Ascomçu, o plano da Reverciclo é trazer a solução para a Grande Vitória e para as demais regiões do estado. Também planejamos um lançamento nacional”, explica.

Segundo o Plano Nacional de Resíduos Sólidos, o PLANARES, em 2018, o percentual de recuperação de resíduos sólidos recicláveis no Brasil foi de apenas 2,6%. A Reverciclo é uma startup na área de resíduos sólidos e economia circular que surgiu para buscar formas de resolver esse problema. Uma solução genuinamente capixaba para um problema que aflige todos os brasileiros.

Veja um tutorial de como cadastrar sua residência/estabelecimento para receber a coleta: https://youtu.be/-3qNkk141is

Veja um tutorial como fazer o agendamento da coleta na plataforma: https://youtu.be/3X_5E1ND8Po

Serviço:

LANÇAMENTO APP COLETA SELETIVA POR AGENDAMENTO – REVERCICLO

Dia: 21/06/2022

09h30 às 12h

Local: Centro Cultural Roque Peruch

Av. Conde D’Eu, 538 – Centro, Ibiraçu

 

 

publicidade

Cidades

Crianças e Adolescentes atendidas no Cras realizam visita às polícias civil e militar em Jaguaré

Publicado

Policiais apresentaram o trabalho dos agentes de segurança para os jovens

Crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SFCV do Centro de Referência em Assistência Social – Cras, participaram de uma roda de conversa com os policiais em uma visita à 18ª Companhia Independente de Polícia Militar de Jaguaré e à Delegacia de Polícia Civil do município.

A visita teve o objetivo de levar as crianças a conhecer o trabalho das polícias e sua importância na sociedade, além de criar aproximação e construção de conceitos corretos sobre as forças de segurança.

Cerca de 40 crianças visitaram o espaço físico, a rotina de trabalho que envolve o atendimento, investigação, ronda, e tudo mais que envolve as ações das polícias civil e militar.

Após muita interação no bate papo com os policiais, em que os agentes responderam perguntas dos jovens sobre as ações de segurança, houve um momento de andar na viatura e ter contato com instrumentos de trabalho dos policiais como distintivo, colete à prova de bala e outros.

Leia mais:  Semana Nacional de Trânsito começa no Espírito Santo com foco em motociclistas

Continue lendo

Cidades

Suzano anuncia intenção de construir fábrica de papel tissue e conversão em Aracruz (ES)

Publicado

Projeto, ainda sujeito à aprovação do Conselho de Administração da empresa, terá capacidade produtiva de 60 mil toneladas anuais

A Suzanoreferência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, anuncia a intenção de construir uma fábrica de papel tissue e conversão em Aracruz, município localizado no norte do Espírito Santo. O projeto, ainda sujeito à aprovação por parte do Conselho de Administração da companhia, prevê que a unidade terá capacidade para produzir 60 mil toneladas anuais de tissue, produto a ser convertido em papel higiênico e papel toalha.

Inicialmente estimado em cerca de R$ 600 milhões, o projeto levará dois anos até estar concluído. Durante o período das obras, a previsão é de que sejam gerados 300 postos de trabalho. Após o início da produção, cerca de 200 colaboradores e colaboradoras, diretos e indiretos, trabalharão na unidade.

“A intenção de construirmos uma nova fábrica reforça o compromisso da Suzano com o desenvolvimento do Espírito Santo. No final de 2019, anunciamos investimento de quase R$ 1 bilhão no estado, incluindo a construção de uma fábrica em Cachoeiro de Itapemirim. A unidade entrou em operação no início de 2021 e agora, menos de um ano e meio depois, anunciamos o plano de viabilizar mais um importante investimento no estado”, afirma Walter Schalka, presidente da Suzano.

Leia mais:  Conceição da Barra recebe ação de limpeza de praias para fortalecer o combate ao lixo no mar

A construção de uma fábrica de papel tissue e conversão em Aracruz está alinhada à estratégia da Suzano de avançar nos elos da cadeia, sempre com vantagem competitiva, e garantir o abastecimento ao crescente mercado brasileiro de produtos sanitários. Em Cachoeiro de Itapemirim, por exemplo, a Suzano tem capacidade para converter papel tissue em 30 mil toneladas anuais de papéis higiênicos, o que equivale a 1 milhão de rolos por dia.

O projeto em Aracruz está sujeito à verificação de condições precedentes e ainda será submetido à análise do Conselho de Administração da Suzano e das autoridades locais competentes.

“Já estivemos presentes nos investimentos anteriores da Suzano, que contou com uso de crédito de ICMS, e continuando com a nossa política de atração criamos ambiente para que a empresa tivesse outro investimento em nosso Estado. Para nós a Suzano é uma empresa estratégica para o Estado. Temos política de uso de crédito de exportação que permite que a empresa faça negociações no mercado, desde que a atividade que seja ampliada gere emprego e ICMS. O que importa para nós é que os empreendedores tenham confiança em vir e estar no Espírito Santo. Nossa tarefa é gerar oportunidades aos capixabas”, afirma o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande.

A Suzano emprega direta e indiretamente cerca de 5 mil pessoas em território capixaba. Mais recente fábrica construída pela Suzano, a unidade de Cachoeiro de Itapemirim é a quinta linha de produção da unidade de bens de consumo da Suzano, responsável pela fabricação de itens como papéis higiênicos, guardanapos e papéis-toalha. A companhia possui fábricas de produção de tissue em Belém (PA), Mucuri (BA) e Imperatriz (MA), além de unidades de conversão em Maracanaú (CE) e Cachoeiro de Itapemirim.

Leia mais:  Saúde: Saiba o que funciona durante o feriado de Semana Santa

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana