conecte-se conosco


Pinga fogo

Pinga-Fogo – II Março/22

Publicado

Por Zene Lagace

Como assim?! Sem punição?

Quer dizer que a página de toda a roubalheira comprovada contra os cofres e o povo mateenses deve ser virada e vida que segue sem punir os delinquentes? Isso é inadmissível. Os responsáveis pelos delitos devem ser punidos exemplarmente e depois sim, vida que segue e podemos virar a página dessa triste história protagonizada por uma gangue que assaltou o município e o seu povo ordeiro e que paga seus impostos para ter bons gestores.

A faxina deve ser feita com água, sabão, desinfetante e cadeia. Passar o rodo!

Metamorfose legislativa

E a Câmara Municipal de Vereadores deu um cheque em branco para o prefeito Daniel Santana continuar governando o município. Foram oito votos a seu favor e apenas três contrários. Será que somente os três conseguiram ler as provas levantadas pela Polícia Federal que incriminavam o gestor municipal? Claro que por detrás da bomba tem algo acontecendo para que os outros oito tivessem problema de visão, não enxergando o que não queriam enxergar. Antigamente se falava em mala preta com coisa boa dentro. Agora não sabemos como é feito esse convencimento contra fatos. É coisa de mágico, fazer o real virar metal…

Atropelaram o ritual

Durante a sessão para votar o Relatório da Comissão Processante, a base aliada fez uma força enorme e conseguiram para que o tal relatório, com todos os fatos ali registrados e comentados das improbidades do atual prefeito, não fosse lido em plenário. E nem as perguntas foram permitidas fazer, como por exemplo vereadores desconhecerem a obrigação de se pagar imposto a municipalidade de uma área comprada pelo gestor numa transação marciana.

Leia mais:  Pinga-Fogo - Março

Sonhando

O atual prefeito de São Mateus parece já ter um possível sucessor. Fala-se à boca miúda que poderia ser o vereador Kásio Mendes (sem partido). Até mesmo uma possibilidade de vir a ter, na cabeça de chapa, o presidente da Câmara, vereador Paulo Fundão (PP). São especulações que não se sabe se podem vir a se realizarem. O processo está longe, mas a construção pode ter começado…. Vai saber?!

Labirinto ideológico

A vereadora de São Mateus, Preta do Nascimento é filiada ao PSB, era assessora de um político do Podemos e agora que está no mandato, deveria defender o governo estadual, afinal está no partido do governador e da vice-governadora. No Brasil os partidos só têm servido para a eleição; depois podem ser postos na prateleira e voltar a serem usados para a próxima disputa eleitoral e para faturar uma grana com fundos eleitorais e partidário. Democracia só existe quando os partidos são fortes e consolidados com suas ideologias. Portanto, a nossa democracia é uma espécie de “hipocracia”.

Leia mais:  Pinga-Fogo – Abril

Patrolamento dos corruptos

Vendo a patrol com sua lâmina removendo a terra, seria tão bom se pudéssemos usá-la para remover a turma que, apesar de comprovadamente ter assaltado os cofres públicos, ainda está na Prefeitura de São Mateus dando ordem e manipulando recursos.

 

EM TEMPO

• “Eu levo a vida mais humilde possível, não preciso andar com ouro, joias, celular caro ou esbanjar carros de milhões, pois cresci com princípios e não com valores. A minha mãe sempre me ensinou a ter princípios, ajudar o próximo, pois é dando que se recebe, é a lei da vida: se você planta o bem, colhe o bem.” Silvio Santos (90 anos).

• A Prefeitura de São Mateus, para quem não sabe de nada do que aconteceu no município, dá a impressão que está trabalhando como nunca. Na verdade, é a eleição que aí está e se faz necessária obra e propaganda para favorecer os seus protetores que necessitam da reeleição para continuarem mantendo o “status quo”. O status da corrupção…

• A população mateense, aquela que pensa e trabalha, não pode admitir que o atual prefeito continue à frente dos destinos do município. Quando se comprova o que a Polícia Federal comprovou, o caminho é a cassação e a cadeia. Simples assim.

publicidade

Pinga fogo

Pinga-Fogo – I Maio/22

Publicado

Por Zene Lagace

Narrativa de um corrupto (A Polícia Federal provou)

O prefeito de São Mateus, Daniel da Açaí (sem partido), durante esses anos que está à frente da administração, não conseguiu trazer absolutamente nada de relevante para o município. Nenhuma empresa se motivou a se instalar por aqui. E as empresas que aqui estão, como a Suzano, vem sendo tratada como um mal para o progresso da cidade e do seu povo. Alegam que não emprega ninguém daqui, mas se esquecem que, no mínimo, muitos ex-funcionários estão aposentados, moram em São Mateus e fazem circular seu dinheiro na roda financeira da cidade. Essa situação canhestra do prefeito e seus aliados é supostamente parte do esquema para forçar a doação ou a desapropriação de suas áreas localizadas em São Mateus. Política sórdida dos párias que tomaram conta do município. O povo já colou na testa dessa turma: corruptos!!!

==============================================================

Caçadores de vento

A Prefeitura de São Mateus, através do seu “Chefão” do Executivo, encaminhou um relatório povoado de narrativas para que o Legislativo comece a elaborar cassação do mandato do vice-prefeito, Ailton Cafeu. Não cassam o bandido, mas querem cassar o bobo da corte.

Caso isso aconteça, o presidente da Câmara, vereador Paulo Fundão (PP), entra na linha de sucessão. As duas possibilidades existem, a de cassação do vice e a ascensão do presidente. Daniel põe a cabeleira de molho…

Empreendedorismo

Em São Mateus um dos negócios prosperou: lavanderia (para lavagem de dinheiro). As madeixas do prefeito perderam para o crescimento da corrupção. A Polícia Federal até tentou aparar, mas a justiça, ao fazê-lo retornar ao local do crime, deixou que voltasse a crescer.

Confissão da omissão e do apoio

Os pré-candidatos a deputado deveriam ser francos e dizer ao eleitorado mateense que apoiaram o prefeito Daniel. Depois de eleitos não vale. Nem precisam se preocupar, pois quem apoia corrupto é honesto… no Brasil.

Reiterando a falação

O vereador de Vitória, Gilvan da Federal, repetiu tudo aquilo que disse da tribuna contra os oito “nobres” edis de São Mateus. Livrou a cara somente dos três que votaram pela cassação do prefeito. Pretende fazer palestra na cidade para os conservadores e apoiadores do presidente Bolsonaro.

Isso é traição?

Quando o eleitor vota no seu representante para um cargo, pressupõe que ele vai exercer o mandato, quando eleito, até o final. E quando esse eleito, no meio do mandato, pula para outro cargo, abandonando aquele para o qual foi eleito e não o cumpriu? Seria traidor, falso, enganador? É propaganda enganosa, prometer algo e não o cumprir? A quem procurar? O Procon, a polícia ou se queixar ao Bispo?

Leia mais:  Pinga-Fogo – II Fevereiro/22

Construindo o golpe

Os opositores ao presidente Bolsonaro parecem estar construindo um golpe. Têm jogado muitas cascas de banana para o presidente escorregar e justificar um golpe. E não seria da forma tradicional, seria de maneira sofisticada, sem dar um tiro. Tudo isso é muito perigoso, pois vai chegar a hora do povo partir para cima e aí os golpistas vão dizer que o Bolsonaro é o incentivador e que os que pregam a democracia e a liberdade, é quem são os baderneiros. O STF é o principal personagem dessa suspeita trama golpista.

Os oportunistas

Várias pessoas colocam seus nomes na berlinda eleitoral, mesmo sem nenhuma chance de se elegerem, mas acreditam estar dando o primeiro passo para a eleição seguinte, nesse caso a municipal de 2024. Quem não é visto, não é lembrado… Ou, ao ser lembrado é logo esquecido.

Mesmice eleitoral

Quando o eleitorado de Serra vai quebrar o paradigma de só eleger Vidigal e Audifax? Não existe outra liderança que mereça um voto de confiança para mandar esses dois caciques para casa? Ou esses dois são bons demais ou os outros são ruins ao extremo.

Derrubando a narrativa

O vereador de Vitória, Anderson Goggi (PP) teceu elogios ao vereador de São Mateus, Cristiano Balanga (Pros). Disse que ele era um guerreiro, um vereador que estava ao lado dos humildes. Mas, o vereador Gilvan da Federal (PP), que colocou os pingos nos is, desconstruiu elogio e afirmou que vereador que apoia um prefeito corrupto, pego pela Polícia Federal saqueando o município, é, no mínimo, conivente.

Gilvan colocou água no chope, além de calar a buzina do “nobre” edil mateense/baiano.

A farra continua

Para um povo que nada recebe de útil no seu dia-a-dia da Prefeitura, passa a ser um absurdo o investimento do prefeito no valor de R$ 627 mil em festas. Um no tal do Brota Jovem (que tem o nome de brota sacanagem) e a Festa do Caranguejo que poderia ter adiada a matança deles para um período posterior a crise. Mas, de lama o prefeito entende…

Leia mais:  Pinga-Fogo - 1ª Quinzena de Agosto

O festeiro voltou! Para a desgraça do município.

Caroneiro

Sem ter o que apresentar para a população mateense, o prefeito Daniel Santana (sem partido) aproveitou para se fazer presente dando a impressão de ter dado alguma colaboração para as realizações do Governo do Estado. A do asfalto do Dilô a São Mateus foi a clássica cara-de-pau…

“Devemos parabenizar o governador, o deputado e toda a equipe, mas o prefeito da nossa cidade não nos representa. O prefeito de verdade tem sido o governador Casagrande e o deputado Freitas”, afirmou José Maurício um dos presentes à inauguração do asfaltamento da rodovia Dilô Barbosa-São Mateus, que se prontificou a falar com o JN.

EM TEMPO

• Pode isso, Arnaldo?! – Um deputado é condenado por falar o que a Constituição Brasileira lhe dá o devido suporte. Um ladrão que foi condenado por roubar toda uma Nação está solto e é candidato à Presidência da República.

• Constatação – A única ditadura que existe no Brasil é a da Toga.

• Dá pena! – O americano caiu na lábia da esquerda e votou no Biden, que se revela o pior presidente que os Estados Unidos elegeram. Saudades do Trump.

• Meus pêsames! – Para quem acreditou na conversa fiada do prefeito Daniel Santana, de seus bajuladores e apoiadores que contribuíram para a destruição do município de São Mateus.

• Deu mais ou menos ruim – O MPES, por um milagre, pediu a suspensão de uma das loucuras do prefeito de São Mateus. O carnaval fora de época e da lógica acabou sendo cancelado a meia boca… Foi um fiasco.

• #tamo junto!!! – Para os oito vereadores de São Mateus que votaram para o prefeito Daniel da Açaí continuar no lugar do crime, desqualificaram todas as provas robustas, apresentadas pela Polícia Federal e apresentada para o Brasil. Lula, para eles deve ser inocente…

• Uma verdade – Os herdeiros imperiais do Brasil, apesar de não estarem no poder, não abdicaram do seu dever para com o país…se preparando ativamente, por isso são tão cultos, educados e acima de tudo patriotas.

Continue lendo

Pinga fogo

Pinga-Fogo – II Abril/22

Publicado

Por Zene Lagace

Vereador Balangueiro foi massacrado na Câmara, sua buzina pifou

Foi em Vitória. O vereador Balanga foi balangar errado na Câmara de Vitória, achando que lá tem cordeiro ou vaquinha de presépio e acabou escorraçado pelo vereador e agente da Polícia Federal, Gilvan (PL). Foi chamado de apoiador de corrupto e que bateu palma para o prefeito corrupto Daniel da Açaí (sem partido) e que este deveria estar preso. Cristiano Balanga (Pros) até tentou se defender, mas o vereador de Vitória mandou que calasse a boca e que ali não era a Câmara de São Mateus. E pediu a sua retirada, ameaçando ele próprio o colocar para fora do recinto. O vereador mateense que usa o indefectível bordão “buzinou é nóis”, achou por bem não buzinar e deixar essa idiotice para usar quando chegasse a São Mateus.

Balanga deixou muda a sua buzina. Acham até que o som ficou desafinado e por medida de segurança deve estar pensando em mudar o bordão de “buzinou é nóis” para “buzinou, juro Gilvan, não fui eu”.

Agora buzinar só na Câmara de Vereadores de São Mateus, aonde, infelizmente, ainda tem “nobres” edis que acoitam as falcatruas comprovadas do chefe do Executivo municipal. Em Vitória não assopra, não apita e não buzina, toma esporro!

==============================================================

Vivo “quase” morto

O vereador de São Mateus, Isael Aguilar (União Brasil), sendo aliado do prefeito Daniel Santana e votando a seu favor, mesmo com todas as evidências de ter saqueado os cofres municipais, achou que estaria seguro contra os ataques do cidadão comum. Ledo engano.

Tudo teria supostamente começado, quando pediu para o prefeito demitir todos os ocupantes de cargos comissionados que não fossem indicados por ele em seu reduto. Nesse meio de demitidos havia um coveiro. Aí a coisa complicou. O homem que tinha o trabalho assombroso de enterrar defunto, resolveu procurar o vereador desalmado para tomar satisfações. Descobriu que o vereador, aliado do prefeito, estava tomando a sua cerveja em um bar na localidade de Nova Lima e para lá partiu. E partiu a cara do vereador, que, se tivesse morrido, o coveiro iria fazer hora extra e como voluntário, levá-lo para um lugar nobre no cemitério de Nova Lima.

Leia mais:  Pinga-Fogo – I Maio/22

Agora ficou a dúvida. O coveiro volta ao seu antigo cargo ou vai cavar a cova para enterrar a carreira política do vereador? A segunda opção é a mais provável. Seria a pá de cal na carreira política do “nobre” edil. Que, no mundo dos vivos, pode virar morto.

Aliada do “descondenado” pode

A cantora baiana, Daniela Mercury ofendeu Jesus o qualificando como politicamente incorreto. Até de gay e travesti o chamou. É blasfêmia ou liberdade de expressão? Depende. Se for dito por um simpatizante do presidente Bolsonaro é motivo de prisão…

A lista está no prelo, quase pronta.

Se a moda pega, já tem gente querendo que uma lista de nomes das lideranças políticas de São Mateus – que se omitem e se omitiram diante da situação caótica do município e que tem a cara-

de-pau de se dizerem pré-candidatos – seja encaminhada para ser repercutida no legislativo da capital como forma de dar maior repercussão.

Em São Mateus vão botar o nome de alguns na boca do sapo; em vitória na boca do vereador Gilvan da Federal, para replicar quem são essas lideranças omissas de São Mateus que compactuaram e ainda compactuam com o atual prefeito.

Criança diz cada uma!

Uma criança, do alto dos seus sete anos, virou-se para sua jovem mãe dizendo que ela estava velha. Ela não gostou e perguntou ao pimpolho por que a chamou de velha. Ele se justificou dizendo: “A senhora me ensinou a não mentir”.

Petista diz cada uma!

Mas tem também os comparsas e admiradores do Lula, o descondenado por ter saqueado toda a Nação, que acreditam que ele é inocente. Acreditam também que fevereiro tem 30 dias e Papai Noel existe.

Leia mais:  Pinga-Fogo – II Fevereiro/22

Ação pascal municipal

O prefeito de São Mateus, Daniel da Açaí, que se diz da periferia, nesta Páscoa continuou fazendo o que peixe faz: nada! Em compensação coelhos e equinos fizeram a festa com o matagal que existe em todas as ruas e avenidas dos bairros da cidade. Tinha comida para todos os animais que gostam de se alimentar de mato.

As contradições mateenses…

Os antigos diziam que a Dona Mocinha tinha 90 anos; que a rua de baixo era de cima; a Igreja Velha não é tão velha como dizem ser; A Igreja Velha não era dos escravos e sim uma construção feita pela Câmara de Vereadores…

Nos dias de hoje as contradições são mais do que evidentes. A vereadora chamada de Preta da Cacique é branca e mora em Guriri; O vereador Cristiano Balanga, banlaga, mas não buzina; O prefeito Daniel da Periferia, mora no Centro e só vai nas periferias na campanha política para comprar voto; O prefeito foi preso e está solto; Comparsas do prefeito dizem que ele é honesto, mas a Polícia Federal comprovou que é ladrão; A Câmara de Vereadores, mesmo com todas as evidências de roubo, deu um cheque em branco para o prefeito continuar atuando no local do crime.

Realmente, São Mateus não é para amador.

EM TEMPO

• O vereador Gilvan da Federal disse em sua fala, da tribuna da Câmara de Vitória, que os três vereadores (Gilton Gomes, Carlinhos Simião e Lailson da Aroeira) foram corajosos ao votarem pela cassação do prefeito, dito pela Polícia Federal, como larápio dos cofres públicos mateenses.

• Cristão que defende corrupto vai para o céu ou purgatório? Para a maioria consultada, vai para o inferno.

• Por que os esquerdistas se dizem defender a democracia se censuram a imprensa e não aceitam o contraditório?

• Não parece ser estranho um ladrão condenado em três instâncias, ser candidato a presidência de uma Nação?

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana