conecte-se conosco


Cidades

Vitória lança projeto de reforço escolar

Publicado

O projeto Educar para Vitória – Fortalecimento de Aprendizagens vai auxiliar estudantes com dificuldade de aprendizagem no Ensino Fundamental, garantindo a redução da defasagem idade/ano e da evasão escolar.

Ele foi apresentado, na tarde desta quinta-feira (1°), pelo prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini, e pela subsecretária de Gestão Pedagógica, Luana Lemos, somando um investimento, para 2021, de aproximadamente R$ 4,2 milhões.

Lançamento programa de reforço escolarCom avaliações diagnósticas, trilhas de replanejamento pedagógico para cada faixa etária e acompanhamento de assessorias da Secretaria de Educação de Vitória (Seme), serão desenvolvidos planos de ação para assegurar aos estudantes a recuperação das habilidades essenciais definidas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

O projeto compreende assessoramento pedagógico junto às escolas, processo seletivo específico para profissionais atuarem no projeto, formação continuada e reforço escolar.

“As escolas ficaram fechadas muito tempo por conta da pandemia. Com isso, vislumbramos um grande prejuízo aos estudantes. Alguns especialistas dizem que vamos demorar 20 anos para retomar o fluxo de aprendizagens. Para reduzir os impactos e mitigar esses prejuízos, estamos lançando o projeto. Queremos garantir aos estudantes da rede municipal o ensino de qualidade e oferecer meios para que eles possam se capacitar e se preparar para um futuro melhor, reduzindo, assim, as desigualdades”, destacou o prefeito.

Leia mais:  Suzano lança Programa de Mentoria de Startups

Neste período pandêmico, fez-se necessário buscar ações para a garantia dos direitos às aprendizagens de todos os estudantes e jornada ampliada para o estudante com maiores dificuldades de aprendizado.

“Temos grandes desafios que a pandemia trouxe. Neste momento, precisamos fazer um reforço e promover a recuperação de aprendizagens. Precisamos olhar com atenção os nossos estudantes”, disse a subsecretária de Gestão Pedagógica, Luana Lemos.

Como funcionará

A partir das avaliações diagnósticas realizadas em 52 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emef), 26.408 estudantes serão contemplados. Eles integram as séries do 1° ao 9° ano e serão divididos em grupos, de acordo com os resultados alcançados nas avaliações.

Para os 15.131 estudantes dos anos iniciais (1° ao 5° ano), o fortalecimento das aprendizagens ocorrerá no turno escolar, dois dias por semana. Já para os 11.277 estudantes dos anos finais (6° ao 9° ano), haverá um dia dedicado ao reforço em horário escolar, além de atividades também no contraturno para aqueles que necessitarem de um reforço mais específico em Língua Portuguesa e Matemática.

Leia mais:  Bolsa Capixaba: cartões aguardam para serem retirados

Estiveram presentes na solenidade de lançamento do projeto a vice-prefeita, Capitã Estéfane, e os secretários municipais Roberto Carneiro (Governo), Aridelmo Teixeira (Fazenda), Regis Mattos (Planejamento) e Cintya Schulz (Assistência Social).

Saiba mais

Educar para Vitória – Fortalecimento de Aprendizagens
Implementação: de agosto a novembro
Investimento em 2021: R$ 4,2 milhões
Público atendido: 26.408 estudantes do Ensino Fundamental, sendo 15.131 nos anos iniciais (1º ao 5º ano) e 11.277 nos anos finais (6º ao 9º ano)
Prioridades: alfabetização (anos iniciais) e disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática (anos finais)
Ações: assessoramento pedagógico junto às escolas, processo seletivo específico para profissionais atuarem no projeto e formação continuada

publicidade

Cidades

Suzano destina R$ 4 milhões a projetos de fomento à geração de trabalho e renda no norte do ES

Publicado

Por meio do Edital de Ideias e Projetos, a empresa vai selecionar iniciativas a serem contempladas e as inscrições começaram no dia 15/8

Fomentar iniciativas que estimulem a criação e o fortalecimento de negócios locais em São Mateus e em Conceição da Barra, contribuindo para a geração de trabalho e renda. Este é o objetivo do Edital de Ideias e Projetos que a Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, lança nesta segunda-feira (15/8), destinando R$ 4 milhões aos projetos que vierem a ser selecionados.  A iniciativa faz parte do Programa de Incubação e Aceleração de Negócios e Empreendedores Locais. A inscrição de projetos para pleitear recursos começou nesta segunda-feira (15) e vai até o dia 16/9.

A iniciativa da Suzano conta com a parceria da Transforma.ai, instituição especializada na gestão estratégica de investimentos sociais privados, desenvolvimento local e educação ambiental. O objetivo é desenvolver ideias e projetos de organizações da sociedade civil, cooperativas, pequenas empresas, microempreendedores individuais (MEIs) e grupos organizados não formais com foco na geração de trabalho e renda.

Os projetos apoiados devem se enquadrar em uma das áreas abrangidas: Produção Rural Sustentável, Empreendedorismo ou Conservação Ambiental. Ao se inscrever, os grupos devem considerar projetos que já estejam realizando ou que gostariam de realizar em suas respectivas comunidades. Além do aporte financeiro, o edital prevê um ciclo de formação em Empreendedorismo e Gestão de Negócios para os representantes das iniciativas contempladas.

A seleção de projetos vai priorizar iniciativas que tenham foco em pessoas em situação de vulnerabilidade social, iniciativas lideradas por mulheres, jovens, moradores de comunidades tradicionais. Os projetos selecionados terão prazo de execução de até seis meses, com início imediato logo após a assinatura do Termo de Participação, prevista para outubro próximo.

Leia mais:  Manifestantes promovem ações de vandalismo e prejudicam empresa de celulose

O Edital de Ideias e Projetos é mais uma das iniciativas da Suzano que estão em linha com o compromisso da empresa de contribuir para que 200 mil pessoas saiam da condição de pobreza até 2030, nas áreas de atuação da companhia. No Brasil, são consideradas abaixo da linha de pobreza pessoas com renda per capita menor que R$ 518,00 ao mês e é essa realidade que a Suzano quer ajudar a transformar.

“Estamos sempre buscando renovar nossa forma de produzir, consumir, compartilhar valor e promover o equilíbrio social. É essa crença que nos leva a desenvolver iniciativas como esta, em que buscamos oferecer às pessoas condições para que possam ter a sua própria renda e melhor qualidade de vida”, observa Douglas Peixoto, coordenador de Desenvolvimento Social da Suzano.

Como inscrever

As propostas devem ser enviadas pelo site www.editalsuzano.prosas.com.br até as 17h do dia 16 de setembro. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail [email protected]

Cronograma

Inscrições: 15 de agosto a 16 de setembro

Seleção dos projetos: 19 a 30 de setembro

Período de implementação das ideias: 3 de outubro/2022 a 2 de junho de 2023

Acompanhamento formativo: 1º a 24 de fevereiro de 2023

Leia mais:  Fundo Desenvolve Rio Doce reduz ainda mais os juros e oferece condições especiais

Valor máximo por projeto

O valor máximo por ideia selecionada varia de acordo com o perfil do proponente:

  • Grupos informais (compostos por, no mínimo, 5 pessoas, sendo pelo menos um maior de 18 anos de idade): até R$ 15 mil
  • Microempreendedores Individuais (MEIs) e Microempresas cadastradas no Simples Nacional com faturamento anual de até R$ 120 mil: até R$ 20 mil
  • Organizações da Sociedade Civil (por exemplo: associações comunitárias, associações de produtores e produtoras, associações de artesãos e artesãs, associações quilombolas, institutos e fundações e cooperativas): até R$ 30 mil

Sobre a Suzano  A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 98 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br

Continue lendo

Cidades

Prepare o casaco! Previsão é de muito frio para o fim de semana no ES

Publicado

A mudança é provocada pelo ar polar que chega forte a partir da sexta-feira (19) e a semana termina gelada

Os últimos dias têm sido de tempo quente, mas com ventos e temperaturas amenas no Espírito Santo. Durante as madrugadas, o calor do inverno dá lugar ao friozinho, principalmente nas áreas mais altas no Estado.

De acordo com a Climatempo, uma nova frente fria se aproxima da região Sudeste do país e pode provocar muito frio na região da Grande Vitória no sábado (16). A mudança é provocada pelo ar polar que chega forte a partir da sexta-feira (19) e a semana termina gelada.

Segundo a empresa, nesta terça-feira (16), grande parte do Espírito Santo tem um dia de muito sol e sem chuva. O ar seco e quente continua prevalecendo e a umidade do ar pode ficar abaixo dos 20% no litoral norte do Espírito Santo, onde há chances de chuva rápida.

É na quinta-feira (18) que o tempo mudará de vez na Região Sudeste, causado pelo avanço de uma potente frente fria, associada ao seu ciclone extratropical. Não estão descartados alguns temporais e ventania, e depois da chuva, virá o frio intenso.

Leia mais:  Fundo Desenvolve Rio Doce reduz ainda mais os juros e oferece condições especiais

Na sexta-feira (19), há previsão de pancadas de chuva e raios, que poderão ser moderadas a fortes a partir da tarde para o Espírito Santo. O sábado (20) será muito frio na Grande Vitória e no centro-sul capixaba.

Continue lendo

São Mateus

Política e Governo

Segurança

Camisa 10

Mais Lidas da Semana